Eleição de Biden trará muitos efeitos para o agro brasileiro, diz Marcos Jank

Em evento virtual, o professor do Insper afirma que o principal ponto de atenção é como será o desenvolvimento comercial entre os EUA e a China, após os atritos protagonizados por Donald Trump

O professor sênior de Agronegócio Global do Insper, Marcos Jank, disse nesta quinta-feira (19/11) que a eleição do democrata Joe Biden nos Estados Unidos trará efeitos importantes para o agronegócio brasileiro. Em evento virtual realizado pelo Insper em parceria com o Itaú BBA, ele disse que, além das relações com o Brasil, o principal ponto de atenção é como será o desenvolvimento comercial entre os EUA e a China, após os atritos comerciais protagonizados por Donald Trump.

Jank também comentou sobre a possibilidade de uma nova postura do país norte-americano quanto às questões climáticas no mundo, pauta que conversa diretamente com o Brasil. Nesse sentido, ele afirmou que é preciso observar como será a agenda a respeito das energias renováveis, aspecto que é muito positivo para o Brasil, em função da ampla matriz energética do País. Por outro lado, Biden deve se posicionar também a respeito do desmatamento ilegal na Amazônia, no qual o Brasil tem sido apontado mundialmente como grande vilão.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.