Luiz Pretti deixará comando da Cargill; Paulo Sousa assume em dezembro

Pretti deixará a empresa após 15 anos de atuação
Luiz Pretti (esq) e Paulo Sousa (dir)

 

A Cargill anunciou na manhã desta quarta-feira, 16, que o atual CEO da empresa no Brasil, Luiz Pretti, deixará o comando da operação. A partir de 16 de dezembro, o diretor de Grãos e Processamento para América Latina da trading, Paulo Sousa, vai acumular o cargo de presidente da companhia.

Continue a leitura após o anúncio

A multinacional norte-americana informou que Pretti deixará a empresa após 15 anos de atuação e que continuará como presidente da Câmara Americana de Comércio (Amcham Brasil), membro do Conselho de Administração da Votorantim Cimentos, do Grupo Martins, Alvean e de dois projetos sociais. Sousa atua na empresa desde 1990 e desde 2016 lidera a Divisão de Commodities Agrícolas da Cargill na América do Sul.

“Nesta nova posição, Paulo Sousa responderá institucionalmente pela Cargill no Brasil, em adição à sua posição de líder dos negócios de commodities agrícolas para a América do Sul. Paulo está comprometido em alavancar a imagem e reputação da organização para diferentes públicos e setores”, afirmou a empresa, em comunicado divulgado à imprensa.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO