Nelore WAMA negocia touros à média de 101,[email protected]

Todos os reprodutores PO saíram com avaliações do Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), da ABCZ


O pecuarista Wilson Antônio Martinelli apartou de sua fazenda Santa Ana (Nova Canaã do Norte, MT), lotes avaliados de touros Nelore PO para promover o “22° Leilão Virtual MT – Nelore WAMA”, transmitido pelo Canal do Boi na tarde de 19 de julho.

Os animais de alta genética do conceituado criatório mato-grossense são criados a pasto, incorporam características funcionais ao padrão racial, além de contar com índices do Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), da ABCZ.

Continue a leitura após o anúncio

Com 100% de liquidez, as negociações envolvendo 94 reprodutores prontos para o serviço a campo das safras 2017/18 geraram receita total de R$ 1,7 milhão e média geral de R$ 18.951 – valor equivalente a 101,[email protected] de boi gordo para pagamento à vista na praça (R$ 187/@), de acordo com a Scot Consultoria.

O lote mais valorizado foi arrematado pela Agrocria Agropecuária (Sorriso, MT): WAMA 2700 (REM Armador x Jeru FIV do Brumado). O jovem reprodutor DECA1 saiu por R$ 48.600, pesando 779 kg e CE 38 aos 29 meses de idade.⠀ 

As captações dos lances em estúdio, fixados para pagamentos em 30 parcelas, foram coordenadas pelo leiloeiro rural Arnaldo Campos. A organização do evento, que teve a chancela do Pró-Genética, ficou a cargo da Ricardo Nicolau Leilões, com retransmissão pelo aplicativo da leiloeira.

Acompanhe os resultados dos principais pregões de todo o Brasil no Jornal de Leilões

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO