Recorde de estudantes no Vacathon, hackathon do Ideas For Milk

Os times reúnem estudantes desde o ensino médio técnico até alunos de pós-graduação de diversos cursos

Mais de 110 estudantes de várias carreiras de instituições de ensino do Nordeste (RN e PE), Centro-Oeste (GO), Sudeste (MG, ES, RJ e SP) e Sul (RS e SC) participam, entre 28 de outubro e 1º de novembro do Vacathon, o hackathon do movimento Ideas For Milk, que valoriza ideias criativas para a cadeia do leite. A iniciativa é da Embrapa Gado de Leite. O evento será realizado na unidade da Embrapa em Juiz de Fora.

“Estamos crescendo expressivamente em relação à participação de universidades na edição anterior do Vacathon. Serão mais de uma centena de jovens talentos, motivados e vindos de todas as regiões do Brasil. Foram 16 instituições em 2018; este ano são 28”, comemora o chefe-geral da Embrapa Gado de Leite, Paulo Martins.

Estarão representados nove estados do país, distribuídos em quatro regiões: Cefet (Leopoldina-MG),  CES-JF (Juiz de Fora-MG), IF Sudeste campus Juiz de Fora (MG), IF Sudeste campus Rio Pomba (MG), IF Sul de Minas (Muzambinho-MG), Instituto Cândido Tostes/Epamig e IF Juiz de Fora (MG),  Instituto Granbery (Juiz de Fora-MG), PUC Minas campus Belo Horizonte (MG), PUC Minas campus Betim (MG), UFJF (Juiz de Fora-MG), UFLA (Lavras-MG), UFMG (Belo Horizonte-MG), UFV (Viçosa-MG), Esalq/USP e IF São Paulo (Piracicaba-SP), Parque Tecnológico de Chapecó, Unochapecó, UFFS, UCEFF e Senai/SC (Chapecó-SC), UEG (Goiânia-GO), UFERSA (Mossoró-RN), UFRN (Natal-RN), UFES (Vitória-ES), UFRJ (Rio de Janeiro-RJ), UFRPE (Recife-PE) e UFSM (Santa Maria-RS).

Os times reúnem estudantes desde o ensino médio técnico até alunos de pós-graduação de diversos cursos, como agronomia, veterinária, zootecnia, administração, economia, engenharias, computação e design. Os estudantes participam de um bootcamp, treinamento sobre as diferentes áreas dos sistemas de produção de leite, com palestras e visitas técnicas ao laticínio escola da Epamig e à fazenda experimental da Embrapa. Após essa etapa, iniciam maratona de programação, acompanhados por pesquisadores da Embrapa e especialistas em tecnologia da informação das empresas BovControl, Ceitec, Cisco, IBM, Microsoft e Tim. No dia 1º de novembro, as ideias criativas são avaliadas por uma banca de especialistas.

O Vacathon faz parte do movimento Ideas for Milk, criado pela Embrapa Gado de Leite com a proposta de fomentar um ecossistema de empresas, universidades, pesquisas agropecuárias e setor produtivo. Essa etapa possibilita que os estudantes tenham contato direto com a atividade rural e criem soluções para diversos problemas encontrados na produção leiteira. A apresentação das ideias no dia 1º de novembro será aberta ao público, que pode adquirir ingressos no Sympla (https://www.sympla.com.br/vacathon-2019—ideas-for-milk__693864).

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.