Menu
Menu

Rússia compra mais carne bovina do Brasil

País, contudo, ainda está longe de atingir os patamares pré-embargo

Aos poucos, a Rússia começa a reaparecer nas lista dos principais países que compram a carne bovina brasileira, mas ainda está bem longe de atingir os altos patamares registrados no passado recente.

Segundo a Associação das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), em maio, os importadores russos compraram 7.362 toneladas, saltando “da 26ª posição, em 2018, para 8º lugar”, em maio deste ano, no ranking dos maiores compradores da commodity brasileira. A receita obtida em maio com as vendas à Rússia foi de US$ 24,2 milhões.

+Rússia inicia retomada das compras de carne bovina brasileira
+Exportações de carne para Rússia não atingirão volumes pré-embargo
+Rússia recupera status de livre de aftosa sem vacinação

Em comunicado enviado à imprensa nesta terça-feira, a Abiec afirmou que, no acumulado de janeiro a maio, os embarques à Rússia cresceram 137% em volume e 140% em faturamento em relação ao mesmo período do ano passado.

No entanto, o comparativo do desempenho atual das exportações brasileiras para mercado russo com os resultados obtidos no ano passado não representa algo significativo para o setor, pois Moscou ficou praticamente de fora da lista de compradores da carne do Brasil em 2018 devido a um embargo imposto no fim de 2017.

O país alegou a presença do aditivo ractopamina, um aditivo alimentar utilizado para elevar o ganho de peso dos animais. O uso do produto em rações é aprovado pela Organização Mundial da Saúde, mas não é autorizado pelo governo russo. As restrições só começaram a ser retiradas em novembro do ano passado, portanto 2018 foi um ano praticamente perdido quando o assunto é “vendas para Rússia”.

A Rússia chegou a liderar as compras de carne bovina brasileira. Hoje, China e Hong Kong são os maiores importadores. Antes do embargo, os russos compravam anualmente em torno de 150 mil toneladas do produto brasileiro.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on skype
Skype
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on email
Email
Share on tumblr
Tumblr
Share on print
Print

Veja também:

Um panorama da pecuária do norte do MT

Última etapa do “Acrimat em Ação 2019”, acompanhada por DBO, visitou municípios do norte do MT, onde os pecuaristas lidam com estradas ruins e insumos caríssimos. Em alguns locais, o valor do calcário é quase proibitivo. 

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Invista no básico bem feito

Pecuaristas, mesmo tecnificados, ainda pecam no manejo por não fazer planejamento, estabelecer metas e criar calendário de ações.

Café com frio

Especialista dá dicas de como evitar problemas com o frio no cafezal, cultura que gosta de “cabeça quente e pés frios”

SOBRE A MÍDIA DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

ANUNCIE DBO

Acompanhe aqui o vídeo da edição mais recente da Revista DBO. Para ver os destaques das outras edições, basta clicar aqui.

ASSINE A REVISTA DBO

Revista DBO Ligue grátis: 0800 110618 (Segunda a sexta, das 08h00 às 18h00)

2018 DBO - Todos os direitos reservados

×
×

Carrinho